29 Junho 2017
O desperdício de alimentos ainda é um problema com grandes implicações à sociedade, pois impacta na segurança alimentar e na saúde do nosso planeta. Reduzir o descarte indevido aumenta a disponibilidade de alimentos para a população em crescimento e ajuda a preservar os recursos naturais, minimizando as emissões de carbono relacionadas aos resíduos gerados. De acordo com o Departamento de Agricultura dos Estados Unidos (em inglês, USDA), estima-se que 30 a 40% dos alimentos se perdem nas mãos de consumidores e varejistas nos EUA. Outros países enfrentam estatísticas similares - enquanto 795 milhões de pessoas em todo o mundo estão subnutridas.

A perda ocorre em vários estágios da cadeia de valor - incluindo produção, processamento e distribuição. Como fornecedora de soluções de processamento e envase de alimentos e bebidas, a Tetra Pak procura novas formas sustentáveis para reduzir o desperdício e disponibilizar alimentos seguros e nutritivos onde quer que seja. 

Tudo começa na fazenda

O aproveitamento eficiente começa ainda na fase de colheita: o treinamento dos funcionários e a escolha adequada de equipamentos podem ajudar os agricultores a minimizar a deterioração dos produtos, mantendo uma colheita de alta qualidade, que resultará em alimentos mais nutritivos.

A iniciativa Dairy Hub, da Tetra Pak, ajuda pequenos fazendeiros em países como Bangladesh, Quênia, Senegal, Sri Lanka e Nicarágua a desenvolverem seus negócios, capacitando-os para aumentar seus rendimentos e melhorar a qualidade do leite. Por meio do projeto, os agricultores estão ligados diretamente a um processador de alimentos para que eles possam fornecer leite seguro e nutritivo às comunidades locais.

Esses produtores também têm a oportunidade de aprender sobre técnicas modernas de criação de animais, o que tem uma recompensa imediata, por conta do aumento da produtividade dos envolvidos.

Menos desperdício na fabricação

Uma das principais causas de desperdício de alimentos no processamento é o projeto ineficiente de plantas industriais. Na indústria americana de lácteos, as perdas de leite podem ser de 2 a 3% desde o momento em que o leite cru entra na fábrica até a distribuição do produto final. Isso totaliza, aproximadamente, 520 mil toneladas de leite por ano – volume que pode dobrar se incluirmos a produção de queijo.

A frequência de limpeza dos equipamentos também pode ajudar a reduzir o desperdício de alimentos. Algumas máquinas em larga escala precisam de limpeza assídua, etapa na qual parte do produto é perdido. As plantas que processam uma ampla gama de produtos também podem ter mais perdas em decorrência da troca constante de ingredientes. Uma solução é escolher equipamentos com intervalos mais longos entre as higienizações, bem como soluções de automação que demandem menos água na limpeza e produção. 

Outro aspecto relevante é o projeto de plantas de processamento. Projetos eficientes são compactos, com tubulação mínima e máquinas flexíveis, que podem atender a mais de uma função. Um exemplo é a tecnologia Tetra Pak OneStep que reduz significativamente o tempo de processamento - e a perda associada a ele -, dando aos produtores a capacidade de mudar a quantidade de ingredientes mais rapidamente.

Por fim, equipamentos higiênicos e inovadores evitam o risco de contaminação e garantem o mínimo de desperdício do alimento por vazamento ou deterioração.

O papel da embalagem

Da matéria-prima ao tamanho do recipiente, a embalagem é crucial para proteger alimentos e bebidas de estrago e danos físicos, além de garantir que o consumidor tenha exatamente a quantidade que deseja.

Embalagens assépticas fazem com que os alimentos permaneçam seguros e nutritivos ao longo de sua vida útil. Nas caixinhas, as bebidas podem ser armazenadas por até 12 meses sem a necessidade de refrigeração ou adição de conservantes. A tecnologia oferece benefícios substanciais durante as etapas de distribuição e venda, quando geralmente ocorrem perdas significativas, especialmente em produtos perecíveis ou de baixa rotatividade.

Outra maneira de ajudar é por meio do "dimensionamento correto" - fornecendo produtos de diferentes tamanhos, para assim reduzir o desperdício.

De uma fazenda a outra, a indústria tem a oportunidade de fazer a diferença na disponibilidade de alimentos em todo o mundo, adotando as melhores práticas e racionalizando suas operações.

Para saber mais sobre as soluções da Tetra Pak para ajudá-lo a reduzir o desperdício de alimentos, clique aqui.
<< Voltar