08 Fevereiro 2017

Os líderes de hoje enfrentam um problema já familiar: o complexo desafio de manter o equilíbrio entre a crescente demanda global e a escassez de recursos naturais.
Para ampliar seus horizontes (e se antecipar!), confira os sete passos criados por John E. Bell, professor assistente de gerenciamento de cadeia de suprimentos na Universidade do Tennessee. Ele acredita que as empresas que seguem esse guia podem ter sucesso na área – e, mais importante, continuar crescendo:
  1. Identificar: faça um estudo do meio ambiente buscando riscos de escassez de recursos naturais; assim, você pode antecipar a possibilidade de um recurso específico sair de um cenário com disponibilidade para outro onde há escassez.
     
  2. Reconhecer: Identifique os impactos que a escassez pode ter no gerenciamento de recursos naturais, incluindo onde e em que quantidade os recursos escassos aparecem na cadeia de produção.
     
  3. Mitigar: Crie estratégias que evitem o uso de recursos escassos no design de produtos, aumentando o foco na recuperação.
     
  4. Colaborar: Trabalhe junto com seus fornecedores para localizar ameaças de escassez dos recursos que podem ter múltiplos desdobramentos na cadeia de produção.
     
  5. Integrar: Construa um loop fechado de cadeia de suprimentos que seja baseada em altos níveis de recuperação e o uso racional de alocação dos recursos escassos.
     
  6. Controlar: Crie uma política interna para determinar quando e como um recurso escasso deve ser utilizado na cadeia de suprimentos de seus produtos e serviços.
     
  7. Promover: Eduque seus stakeholders e defenda diante da indústria e do governo políticas que controlem e amenizem o impacto da escassez de recursos naturais.
 
Para insights mais detalhados sobre essa questão, leia o nosso white paper “O que é renovabilidade em embalagens e porque nós devemos nos preocupar?”.


 

* Tradução do artigo de Elisabeth Comere, Diretora de Meio Ambiente e Relações com o Governo da Tetra Pak nos EUA e Canadá
<< Voltar